Conheça 5 formas de enfrentar a depressão

A depressão é considerada o “mal do século’’ atingindo cerca de 11,5 milhões de pessoas, além disso a estimativa da OMS é que esse número aumente nos próximos anos.

Por isso, é muito importante entender o que é depressão, e saber sobre as principais formas de enfrentar a doença. Confira.

Afinal, o que é depressão?

A depressão é uma doença caracterizada pela perda ou pela diminuição dos interesses em todas as atividades que antes geravam prazer para o indivíduo. Além disso a angústia é uma característica constante.

Ou seja, a pessoa começa a mudar todo o seu cotidiano por conta da doença, já que não consegue iniciar atividades, terminar atividades, ou se as faz é com sentimentos de angústia, tristeza, e afins.

Todo esse desânimo relatado e que caracteriza a depressão pode ser explicado pelo desequilíbrio bioquímico cerebral. Dessa forma, há menos neurotransmissores disponíveis, como por exemplo, a serotonina que está ligada diretamente com a sensação de bem–estar.

Não há idade ou gênero para a doença! Mas o que se sabe até agora através de pesquisas é que mulheres desenvolvem mais depressão. Quanto a faixa etária, o transtorno depressiva pode ser visto com mais frequência na adolescência e depois na fase adulta tardia (velhice).

Como a doença aumentou muito nos últimos anos, as pesquisas sobre ela também aumentaram, e hoje já se sabe que ter depressão não é somente ter sintomas psicológicos e uma tristeza, mas sim ter alterações fisiológicas como sintomas.

Dessa forma, uma pessoa depressiva tem maiores chances de desenvolver outras doenças físicas, como por exemplo, doenças cardiovasculares.

Sintomas da depressão

  • Cansaço excessivo;
  • Fraqueza;
  • Irritação;
  • Angústia constante;
  • Ansiedade;
  • Sinais de baixa autoestima;
  • Insônia;
  • Falta de interesse nas atividades que antes geravam sentimentos satisfatórios;
  • Pensamentos pessimistas;
  • Pensamentos sobre morte;
  • Comportamentos de ordem compulsiva;
  • Dificuldade de concentração;
  • Dificuldade de atenção;
  • Dificuldade de memória;
  • Disfunção sexual;
  • Incapacidade de fazer as tarefas do cotidiano.
formas de enfrentar a depressão

Quais as possíveis causas da depressão?

Há muitas coisas que podem levar o indivíduo a desenvolver depressão, desde fatores psicológicos até doenças físicas, entre elas podemos destacar:

  • Histórico na família da doença;
  • Estresse em nível crônico;
  • Outras doenças psiquiátricas;
  • Ansiedade;
  • Estar acima do peso;
  • Má alimentação;
  • Sedentarismo;
  • Problemas hormonais;
  • Cigarro, álcool e outras drogas;
  • Separação (relacionamento, amizades, família);
  • Situações traumáticas;
  • Luto;
  • Condições de mudança (por exemplo, mudar de cidade, emprego, etc);
  • Pancadas na região da cabeça;
  • Enxaqueca crônica.

Como lidar com a depressão?

1 – Indo ao médico psiquiatra

A primeira coisa que deve ser feita para lidar com a depressão é ir ao psiquiatra! O profissional é o mais adequado para o diagnóstico correto, e ele vai julgar a necessidade do uso de remédio em cada caso!

Além disso, o psiquiatra vai escolher o melhor remédio para cada caso, e a dose mais indicada. E claro, vai fazer todo o acompanhamento durante o período de tratamento.

Como lidar com a depressão

2 – Faça psicoterapia

Já a psicoterapia será um compromisso semanal onde o paciente vai poder ter a oportunidade de contar sobre os acontecimentos do passado e do presente. Além de suas projeções para o futuro.

O auto–conhecimento, os recursos de enfretamento, e ter uma pessoa em absoluto sigilo e sem caráter de julgamento é o que faz o tratamento dar certo.

3 – Compartilhe suas emoções

Sabemos que a depressão causa o isolamento. Por isso, é natural que a pessoa se afaste de amigos e familiares. Mas por mais difícil que possa parecer é muito importante manter ou retomar laços de amizade. Ter com quem contar durante esse período é essencial para o enfretamento da doença.

4 – Faça exercícios físicos

Diversos estudos já comprovaram o quanto o exercício físico traz resultados positivos para a pessoa em depressão! Tudo isso porque aumenta os níveis de serotonina no cérebro.

5 – Meditação

Cada vez mais a meditação vem se destacando como um meio para tratar a depressão. Tudo isso porque pode driblar sintomas ansiosos, e de insônia, por exemplo. Além disso o foco e atenção são aumentados, o que também pode auxiliar.

A depressão é uma doença séria que merece ser tratada como tal.

blank
CRM-DF 20486
Médico psiquiatra que realiza atividade clínica ambulatorial sob o foco de que cada pessoa é única e deve ser avaliada e compreendida como um todo.

0 Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Conteúdo novo com prioridade

Receba novos conteúdos do blog direto no seu email

envelopeusermap-markercalendar-fullsmartphonebubble
0 Compart.
Twittar
Compartilhar
Compartilhar
Pin